«

»

set 18 2013

Levy Gasparian inicia projeto de recuperação do lixão

levy01-800x597Local foi desativado e será revitalizado em parceria com Inea e Aemerj

Dando sequencia as ações que visam a proteção do meio ambiente em Comendador Levy Gasparian, o Secretário de Meio Ambiente, Obras e Serviços Públicos, Marcelo Vasques e membros de sua secretaria, reuniram-se na manhã de ontem com Janete Abrahão, Coordenadora de Meio Ambiente e Sustentabilidade da AEMERJ (Associação Estadual de Municípios do Estado do Rio de Janeiro).

A reunião, que aconteceu na sede da Secretaria, teve por objetivo firmar parceria entre as partes, com a Associação se disponibilizando a orientar, conduzir e acompanhar as ações da Secretaria de Meio Ambiente de Comendador Levy, em busca da eficácia e agilidade dos serviços executados na área.

Licenciamento ambiental às empresas; implantação do Código Municipal do Meio Ambiente e a criação de uma nova unidade de conservação ambiental, foram outros temas debatidos durante o encontro.

Nos últimos anos, Comendador Levy Gasparian tem registrado significativos avanços na área do meio ambiente e sustentabilidade, com a criação da Secretaria Municipal do Meio Ambiente, do Parque Ecológico Pedra de Paraibuna, e principalmente, dando fim ao lixão.

É isso mesmo. Através da participação do município no Consórcio Intermunicipal de Coleta de Resíduos Sólidos, desde o dia 26 de agosto, Levy Gasparian deixou de depositar o lixo coletado nas residências no Lixão localizado no km 128 da Estrada União e Indústria.

A partir desta data, Levy Gasparian deixou de poluir o solo e diariamente, todo o resíduo coletado no município é levado para o aterro sanitário localizado no km 17 da BR 040, em Três Rios, resultado do referido Consórcio, do qual participam ainda os municípios de Três Rios, Paraíba do Sul, Sapucaia e Areal.

Segundo informações do Prefeito Cláudio Mannarino, a Secretaria de Obras, Serviços Públicos e Meio Ambiente já iniciou os preparativos para desativação e recuperação ambiental da área do antigo lixão, onde serão executados serviços de aterro e revitalização da área, num projeto a ser desenvolvido em parceria com o Inea e Aemerj.

Desta forma, Comendador Levy Gasparian sai na frente de diversos outros municípios fluminenses e também do país, enquadrando-se antecipadamente a determinação da Política Nacional de Resíduos Sólidos, instituída há três anos e que tem por meta o fim dos lixões a partir de 2014.