«

»

out 09 2015

Levy Gasparian é primeiro lugar também no IOEB

Levy Gasparian é primeiro lugar também no IOEB

O primeiro lugar no Estado do Rio de Janeiro na avaliação do IOEB (Índice de Oportunidades da Educação Brasileira), voltou a colocar Comendador Levy Gasparian em destaque na mídia nacional.

Com média 5,0, além da primeira colocação no Estado, Levy Gasparian garantiu um desempenho melhor do que a média estadual, que ficou em 4,1 e também nacional – 4,5.

Desenvolvido por Reinaldo Fernandes, ex-presidente do Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas) e autor do IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica), o IOEB foi realizado pela primeira vez, fruto de uma parceria entre o CLP (Centro de Liderança Pública) com apoio do Instituto Península, Fundação Roberto Marinho e Fundação Lemann.

O objetivo é avaliar quais são as oportunidades educacionais de crianças e jovens de 0 a 17 anos, ou seja, engloba toda a educação básica – da educação infantil ao ensino médio, de todas as redes existentes no local (estadual, municipal e privada), bem como todos os moradores locais em idade escolar.

A avaliação leva em conta um conjunto de fatores como o resultado do Ideb nos anos iniciais do ensino fundamental; taxa líquida de matrícula; escolaridade dos professores; número médio de horas aula/dia e experiência dos diretores, entre outros.

Para o prefeito Cláudio Mannarino, que recebeu a notícia com grande satisfação, bem como toda a equipe de profissionais da área educacional, o Índice revela que Levy Gasparian está no caminho certo. “Investimos em nossas escolas, ampliando, reformando, transformando o ambiente escolar, num local mais agradável, confortável e propício ao processo de ensino aprendizagem. Proporcionamos aos nossos professores, um momento exclusivo para o planejamento de suas aulas, além de suporte com profissionais capacitados, sem citar o comprometimento dos professores em suas funções. Estes certamente são os principais fatores que tem alavancado a educação gaspariense. Estamos no caminho certo”, afirmou Mannarino.